Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mood du Jour

Mood du Jour

2015 - be kind!

2014 foi um ano lixado. Não tenho propriamente outro termo... quer dizer, tenho, mas não o vou escrever num blog público!. Heheheh

Foi um ano difícil, com perda, com lágrimas, com dificuldade em equilibrar todos os aspetos da minha vida que são importantes - família, trabalho, amigos. Levámos alguns sustos, nomeadamente financeiros, tivemos que repensar as prioridades, ajudar, e pedir ajuda também. 

Mas claro que teve os seus bons momentos! Não os consigo listar todos, o que só por si prova que foram muitos! 

Duas viagens para fora, uma a Florença e outra a Paris.

Grandes projetos no trabalho, mais responsabilidade, uma nova chefia, um novo local de trabalho. 

Mais três bebés na família.

O nosso filhote, cada dia mais giro, mais esperto, com mais graça. 

O surf. Voltar para dentro de água, onde realmente me sinto bem, onde desligo de tudo. 

 

Acima de tudo, foi um ano de grande crescimento pessoal, saio dele mais adulta, mais experiente. Duvidas tenho muitas, sobre muita coisa, mas tenho mais certezas também. É tudo uma questão de equilibrio!

 

Para 2015, já tenho algumas resoluções, coisas práticas que gostava de fazer, mas o que quero mesmo é tempo, para tudo o que quero e gosto de fazer. E isso só depende de mim! 

No final de 2013 pedi para 2014 ser pelo menos tão bom. Não foi... Mas tenho grande fé em 2015! Acho que vai ser um grande ano! 

f84e130c78900d51ab2a28ba32acbbef.jpg

BOM ANO!!!!!!!! 

 

Tia avó

Eu fui tia muito cedo - a minha irmã M. teve o D. tinha eu dois anos. Nem sabia bem o que isso era de ser tia, e durante muito tempo os meus sobrinhos estiveram mais para primos que propriamente sobrinhos. Houve até uma fase que os proíbia de me chamar de tia se me cruzasse com eles na rua ou na noite!

Mas foram nascendo mais sobrinhos (são 16 já!), e eu fui ficando mais velha, e fui aprendendo a ser tia deles. Mais proximidade com uns que com outros, claro, com uns é mais em formato "mais velha" que dá conselhos, com outros é mais brincadeira... 

E, no último mês, mais uma nova sensação, mais uma descoberta... tia-avó! Pois é! Nasceu a M. do T. e ante-ontem nasceu o pequeno D., da minha querida X. que está em São Paulo.

Morro de saudades dela, aperta-me o coração de não estar ali ao lado para assistir a este momento, para a ajudar nesta fase inicial que é bem puxada, para acompanhar de perto o crescimento deste miúdo que nem conheço mas que já me ocupa o coração todo! 

Ela foi para São Paulo no dia que o T. nasceu... foi como se o melhor e o pior acontecessem no mesmo dia!! Mas foi para uma vida melhor, foi à aventura, está a fazer o caminho dela, e eu não podia estar mais orgulhosa!

E agora, mais um passo nesse belo caminho com o nascimento do baby D., coisa mais querida, cara chapada da mãezinha!!! 

Do lado de cá do oceano vai uma infinidade de beijos e só coisas boas para este sobrinho-neto!!! (tia-avó aos 33 é qualquer coisa!)

kid.png

 

O nosso Natal

O nosso Natal é uma canseira. Uma correria. Várias capelinhas, presentes, a nossa criança, pijama e cama de viagem... Os horarios todos trocados, as refeições todas alteradas. Tudo berra, voam presentes e papel de embrulho. No dia 26 estou exausta.

O nosso Natal é uma canseira, mas é o melhor Natal do mundo. Estamos todos juntos. Estamos todos felizes.

No dia 24 almoçamos nos meus sogros. O T. raramente dorme a sesta, o avô Z. não aguenta e vai busca-lo à primeira manifestação de estar acordado. A minha sogra cozinha sempre umas coisas boas boas, que sobram e dão para o jantar de dia 25, que é em nossa casa. 

No 24 à noite é com os manos - este ano, em Coruche. Não contei, mas eramos mais de 30. Com 3 bebés novos. Um belo peru, Missa do Galo para quem quer, trocas de presentes e amigos na da oculutos. Acabamos sempre a cantar, chegamos a casa de madrugada. 

A manhã de 25 é a melhor parte - em casa da Mummy, só nós. O T. chegou à sala e perguntou onde estava o Pai Natal. Abriu mais presentes do que aqueles que conseguia dar conta. Essa parte foi um pouco exagero. 

Almoço em Cascais, este ano com muito menos gente que estava tudo nas famílias do "inimigo". Para o ano somos mais de 30 de novo! 

E não acabou por aqui - dia 26 rumámos a sul, e dia 27 almoçarada no Alentejo com a família toda (ou quase), do marido! Mais de 30 de novo! Mais presentes para o T., que dizia "wooooow!" à medida que abria embrulhos. Houve vários que nem lhe dei, outros que ficaram lá em baixo... 

"Somos tantos" dizia o P. Pois somos. Pois fomos. E é assim que se quer. O Natal, o verdadeiro, é assim - muita gente, muita comida, muita gargalhada, muita confusão.

Temos uma sorte de poder ter uma família grande, connosco! Para o ano há mais! :) 

 

IMG_5582.JPG.jpeg

 

Xmas mood!

Está quaaaaaaaase!!! É já depois de amanhã! Yeeeeey!!!

 

Para entrar (ainda mais) no mood, Sábado fomos com o baby ao Terreiro do paço, onde está montada uma vila do Natal, com carrossel, e caomboio de rena, e Pai Natal (do qual ele fugiu!), e o eletrico do Natal!! Uma animação! :) 

IMG_5434.JPG.jpeg

IMG_5437.JPG.jpeg

IMG_5443.JPG.jpeg

IMG_5450.JPG.jpeg

IMG_5452.JPG.jpeg

 Countdown - 2 days!!! 

Pág. 1/3